Pages

quarta-feira, 30 de junho de 2010

Seu amor.

Eu quero a sorte de amar sem limites
Eu quero a sorte de chorar pra ficar forte
Eu quero a sorte de não amar escondida
Eu quero a sorte só de um amor...

Do seu amor.

7 comentários:

Karlinha Ferreira disse...

Ô!E como gostaríamos dessa sorte!
Desejo ardentemente "estar presa por vontade"!
Pena que ás vezes parece tão distante, me educo todos os dias tentando me convencer que essa sorte chegará na hora certa, espero apenas que ninguém tenha esquecido de marcar a hora...Rs

Beijo

P.S. Adoro seu blog!

Millie Ribeiro disse...

Esta sorte eu quero tambem. So nao quero ter a sorte de amar sem ninguem...

Júlia # disse...

eu também queria toda essa sorte!

luis neto disse...

lindo poema, é de quem? te seguindo...

Tkaniam disse...

Novamente, a clareza e objetividade com que expressa suas emoções me cativa sempre. ;)

ana flávia disse...

ahh... eu tenho essa sorte de amar e ser amada... intensamente!!!

lara xerez. disse...

oiii, adorei seu blog! to te seguindo tb :)

-
adorei a intensidade dos seus textos.Vc tb é atriz?;)

Postar um comentário