Pages

terça-feira, 13 de julho de 2010

Os pensamentos vem a tona
eu, dominada por eles
aborreço-me
Tanta falta de compromisso!
Comigo, contigo...

Sou eu , em você
Igredientes que não se podem faltar.
Tenho educação pra dar e vender
Mas só na hora certa...
Dar para alguns...
Vender, aos mais distantes...
Compromissos incertos!

São tantos pensamentos a tona
trauduzindo-os por palavras
palavras sinceras que me interessam
e até me afastam...te afastam.

Continuo sem nada a dizer
Porque o amor além de não poder ser dito...
Nunca mais tocarei...

4 comentários:

Karlinha Ferreira disse...

Nossa!

O amor está dentro de nós e voltará tão certo quanto a morte!

Israel_AS disse...

Solidão. Chega uma hora que cansa... Sim, ela é uma das melhores amigas dos poetas. Mas eu e a solidão estamos brigados.

Rsrsrs belo poema! Você tem talento ^^

Doce Nostalgia disse...

Ai que texto mais intenso, gostei muito *-*

Obrigada pela visita, tambem te sigo ^^

Beijos flor, otimo restinho de semana!

Millie Ribeiro disse...

Grande verdade..

Porque o amor além de não poder ser dito...
Nunca mais tocarei...

Postar um comentário